carta amarela #2 – é a neve!

Paris, 7 de fevereiro de 2012

Queridos amigos

Me lembro bem a primeira vez que vi neve. Era um dia bem frio em Londres. Ia ao supermercado com minha amiga que lá vivia, e na volta começaram a cair os primeiros flocos de neve daquele inverno. 5 de janeiro de 2010. Pedacinhos brancos caindo do céu que viravam gotinhas de água ao encostar na minha pele.

Vibrei ao pisar em Paris e logo de cara ver aquela mesma coisa: os primeiros floquinhos caindo sobre mim. Parece um pouco …

leia mais →

cartas amarelas

Belo Horizonte, 2 de fevereiro de 2012

Queridos amigos,

Para quem já recebeu alguma carta minha, sempre tive uma peculiaridade. Uma coisa meio de designer, que precisa colocar sua própria identidade em tudo o que faz. E qual essa diferença? Os envelopes amarelos. Amarelo, das minhas cores preferidas, que sempre fui fascinado porque me resgata aspectos felizes e radiantes. Mas a grande diferença em minhas cartas é o gostar de escrever.

Hoje em dia é muito mais fácil escrever e-mails. São rápidos, a informação chega fresquinha. Mas e …

leia mais →