quibe assado

quibe assado

Dos dias mais gostosos para mim é quando passo tempo cozinhando com minha mãe. Nesse fim de semana estava na casa dela, e ela marcou um dia para cozinhar com uma amiga e vizinha, a Conceição. A Conceição é uma amiga super alto astral que fala todos os palavrões inimagináveis e que tem um coração grandão. Ela é excelente na cozinha e foi ensinar seu quibe assado para minha mãe. Tinha tempo que eu não comia um quibe tão gostoso! Nunca fui muito de quibe assado pois achava meio seco, sempre preferi o cru ou frito, mas esse fica tão gostoso que agora quero fazer mais vezes, até porque evito fazer frituras em casa e porque essa receita rende bastante e dá pra congelar pra outros dias. Os grandes segredos dela são: usar bastante carne moída, e que essa carne seja alcatra. Fazer um molho bem gostoso com tomates frescos. Temperar com bastante hortelã, e claro, afeto.

quibe_04

quibe

500 g de trigo para quibe

1 kg de carne moída (a Conceição usa alcatra)

2 cebolas grandes

8 dentes de alho

1 maço de hortelã

sal

pimenta do reino

pimenta calabresa

molho

600 g de tomate (uns 4 ou 5 tomates)

200 g de carne moída

1/2 cebola picada

sal e pimenta do reino

azeite de oliva

para a montagem

azeite de oliva

250 g de queijo muçarela

azeitona (opcional)

pinoles (opcional)

quibe_02

quibe_03

Para o molho de tomate: Coloque água para ferver em uma panela. Ela deve estar uns 2/3 cheia de água. Faça um X com a ponta de uma faca na base dos tomates. Mergulhe-os, uns 3 por vez, por uns 30 segundos na água fervente. Quando a pele no X começar a soltar, coloque-os em uma vasilha com água fria. Assim fica fácil de tirar a pele dos tomates. Retire a pele e pique grosseiramente. Numa panela refogue a cebola picadinha em um fio de azeite. Junte a carne moída e refogue bem. Junte os tomates e deixe cozinhar um pouco. Se preferir pode processá-los antes de colocar na panela para ter um molho bem liso. Tempere com sal e pimenta do reino. É um molho à bolonhesa bem gostoso com tomates frescos. Se quiser dobre a receita pra congelar o que sobrar.

quibe_05

Prepare o quibe: Ferva água (o suficiente para cobrir o trigo para quibe, cerca de 800 ml). Coloque todo o trigo para quibe numa vasilha e despeje a água quente sobre ele. Deixe hidratar por meia hora. Depois de hidratado escorra bem a água, apertando com as mãos ou mesmo colocando dentro de um pano de prato e torcendo as pontas em cima da pia para escorrer bem o que está ali dentro dele. Misture numa vasilha com a carne moída. Num processador ou liquidificador bata essa mistura junto às cebolas descascadas cortadas em 4 pedaços, dentes de alho descascados e as folhas todas do maço de hortelã já lavadas. Adicione sal, pimenta do reino e pimenta calabresa a gosto quando fizer isso para que fique bem temperadinho. Fica uma massa com bastante liga após bater. É importante esse processo para que fique uma massa bem lisa e bem misturada.

quibe_07

quibe_08

Comece a montagem: A Conceição tosta um bom punhado de pinoles numa frigideira. Coisa rápida, talvez 1 minuto, sem colocar óleo nem nada. E na hora de montar mistura eles assim inteiros na massa do quibe. Fica uns pontos crocantes delciosos na hora de comer. Um segredinho dela pra lidar bem com a massa de quibe é ter uma vasilha com água do lado. Molhe as mãos sempre para que ele não grude nelas. Em refratários (essa receita rendeu dois médios e um pequeno), coloque um fio generoso de azeite. Com as mãos molhadas, pegue pedaços de massa e monte uma camada de quibe no refratário com cerca de 1 dedo de altura. Coloque molho por cima. É uma boa camada, como se estivesse montando para uma lasanha.

quibe_09

Cubra isso tudo com bastante queijo muçarela e coloque outra camada boa de quibe por cima. Com uma faca corte quadrados por cima, como se fosse cortar um bolo de assadeira também. É legal fazer isso porque como ela rega com azeite por cima de tudo o azeite entra bem na massa. Em alguns dos encontros desses quadrados elas coloca algumas azeitonas sem caroço. Regue tudo com azeite, cubra com papel alumínio e leve ao forno baixo (cerca de 160, 170ºC) por 20 minutos. Retire o papel alumínio e deixe mais uns 20 minutos para que a camada de cima doure bem.

quibe_11

cozinhar_ouvindo

0 Flares Twitter 0 Facebook 0 0 Flares ×

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Pode usar estas etiquetas HTML e atributos: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>