salada grega

salada grega

Ainda lembro da primeira vez que andei de avião, aos 20 anos, feliz com aquela oportunidade. Sempre que posso, vou pra perto do mar. Ano passado pude conhecer um pouco da Grécia. Lembro de me sentar na beirada da sacada pra ver o mar se encontrando com as pedras. O vento vindo de lá de longe. Algumas pessoas passeando. A vida foi passando, calma, com um vento um pouco frio carregado lá de longe. Tem gente sempre ancorado em algum lugar. Tem também aqueles que …

leia mais →

#133 – renascer

#133 – renascer

São Paulo, 16 de janeiro de 2017

Querido amigo,

Falamos tanto, tanto em crescer. Em como o tempo passa rápido. Os anos passam, a gente muda um pouco, mas somos apenas uma transição do ontem. O ontem. Latente. Daquelas memórias que se tornam ouro. Pensar em glórias. A glória de perder um dente e ver crescer outro, novinho. De sentir um corte rasgando o peito pra um tempo depois ver pulsar um outro coração, novinho. A força em chegar lá. Sempre. Mais e mais pra lá. Longe o …

leia mais →

preferidos de 2016: receitas e posts mais lidos

preferidos de 2016: receitas e posts mais lidos

Na última das listas, minhas receitas preferidas entre as publicadas no blog em 2015. E pra fechar, uma lista que não é bem minha: são os 5 posts mais visualizados durante o ano. As receitas estão em ordem alfabética e os posts mais lidos vão do quinto ao primeiro lugar. O ano vem começando lentamente por aqui, mas em breve trago novidades, posts e receitas fresquinhos pra iniciar com doçura e leveza as coisas por aqui. As mesmas listas em 2015 – 2014 – 2013 – …

leia mais →

preferidos de 2016: livros e cartas amarelas

preferidos de 2016: livros e cartas amarelas

No segundo post de listas de 2016, meus livros e cartas amarelas preferidos nesse ano que passou. Como nas outras listas, estão em ordem alfabética, não num ranking. Os livros e cartas preferidos em: 2015 – 2014 – 2013 – 2012.

 

livros

 

 

nora webster, de colm tóibín

Nora Webster é um bonito e tocante retrato da experiência de uma mulher solitária e triste, que ficou viúva há pouco tempo. Da dificuldade de uma mulher em expressar o que gostaria em meio a sociedade irlandesa do final dos anos …

leia mais →